JESUS CRISTO, O FILHO DE DEUS

Em toda nossa caminhada devemos ter sempre Cristo como nosso guia. Ele nos guarda a cada dia. "Porque dele, e por ele, e para ele são todas as coisas; glória, pois a ele eternamente. Amém." Sejam bem vindos ao nosso blog em o nome do Senhor Jesus !!! Disse Jesus: Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve. Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa. Amo ao Senhor Jesus Cristo, porque Ele me amou primeiro e trouxe-me para a sua maravilhosa presença. Deus é tremendo !!!

domingo, 27 de dezembro de 2015

CRISTO, A NOSSA VERDADEIRA RIQUEZA

Ensina-nos a palavra de Deus nos evangelhos à respeito de quão perigoso é quando o ser humano se apegar às riquezas.
Um dos exemplos está registrado à respeito de um mancebo rico, que aproximando-se de Jesus perguntou-lhe o que deveria fazer para conseguir a vida eterna.
Jesus disse-lhe se quisesse entrar na vida que guardasse os mandamentos, e o mancebo perguntando-lhe quais, lhe foi respondido: Não matarás, não cometerás adultério, não furtarás, não darás mal testemunho, Honra teu pai e tua mãe, e amarás o teu próximo como a ti mesmo.
Disse o mancebo à Jesus que esses mandamentos ele guardava desde sua mocidade, e pergunto à Jesus o que lhe faltava ainda, e Jesus disse: vai,  vende tudo o que tens, dá aos pobres, e terás um tesouro no céu; e vem e segue-me. O jovem ouvindo isso retirou-se triste, pois tinha muitas propriedades.
Percebe-se que esse personagem bíblico perdeu uma grande oportunidade, de assim como os discípulos de Jesus, seguir à Jesus, e aprender dEle o verdadeiro valor da vida.
Por amor às riquezas o jovem rejeitou o melhor e maior convite que o homem ou a mulher recebe de Deus, que é Vem e Segue-me.
O jovem era um religioso, que apesar de conhecer e guardar os mandamentos, ainda não havia tido um encontro real com Cristo, não havia passado pela experiência do novo nascimento que Jesus disse à Nicodemos, e estava apegado às suas propriedades.
Jesus não está condenando o homem ou a mulher ter riquezas nesse mundo, mas sim, o apego à elas, pois se tem registros no evangelho que algumas mulheres o servia com suas fazendas.
O jovem foi amado por Jesus, mas infelizmente não deu ouvido à voz do Mestre, Não sabemos se após esse fato houve outra oportunidade para esse jovem, se mais tarde, depois da obra de Cristo ter sido realizada, dele ter aceito ou não, mas um exemplo ele nos deixou, que as riquezas podem sim nos impedir de entrar no reino de Deus.
O Apóstolo Paulo escrevendo à Timóteo disse: Manda que os ricos desse mundo não sejam altivos, nem ponham a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos (1 Timóteo 6:17).
Que as riquezas não sejam causa de impedimento para servirmos à Deus, mas que elas sejam usadas para a glória de Deus e para o bem da sua obra  aqui na Terra.
Ricos e pobres, todos dependem da bondade de Deus, todos precisam e dependem de Deus, pois só Ele é a nossa real segurança, e só o crer em Jesus e fazer a vontade do Pai é o que realmente faz do homem e da mulher conhecer a verdadeira felicidade.

Fonte ;  Bíblia Sagrada,
Edilberto Pereira - Bacharel em Teologia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário