JESUS CRISTO, O FILHO DE DEUS

Em toda nossa caminhada devemos ter sempre Cristo como nosso guia. Ele nos guarda a cada dia. "Porque dele, e por ele, e para ele são todas as coisas; glória, pois a ele eternamente. Amém." Sejam bem vindos ao nosso blog em o nome do Senhor Jesus !!! Disse Jesus: Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei. Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave, e o meu fardo é leve. Eis que venho sem demora; guarda o que tens, para que ninguém tome a tua coroa. Amo ao Senhor Jesus Cristo, porque Ele me amou primeiro e trouxe-me para a sua maravilhosa presença. Deus é tremendo !!!

sábado, 5 de março de 2016

CUMPRIMENTO DA PROMESSA DIVINA

Cerca de 2016 anos atrás, em Israel, mais precisamente segundo as escrituras, em Belém da Judeia, nasce um menino, que como disse o profeta Isaias, um menino nos nasceu e um filho se nos deu, e seu nome será Maravilhoso, Conselheiro, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz (Isaias 9:6).
Um menino especial, mas que desde o seu nascimento sofreu perseguições, quando o Rei Herodes tentou matar, em um episódio muito triste na época, onde milhares de infantes foram mortos por esse cruel governante, que por medo de perder o trono, ordenou que matassem crianças inocentes, contando que o menino Jesus seria morto juntamente com esses demais infantes, porém ele foi por Deus poupado, porque esse menino não foi uma simples criança, gerada como as demais.  O menino foi gerado no ventre da sua mãe por nome Maria, miraculosamente, e nele não houve imperfeição, pois Ele na verdade não era da Terra, apesar de nascer como homem.  Ele é o Deus Todo Poderoso, que se fez homem por amor da humanidade, para que todos fossem salvos por Ele.
O menino cresceu, e com quase 30 anos de idade começou seu ministério, onde muitos foram curados de suas enfermidades, libertos de possessões malignas, receberam milagres, e muitas das vezes alguns não foram gratos pelos benefícios recebidos e outros até o expulsaram de suas terras, mas mesmo assim, Ele não desistiu da obra que o Pai celestial o enviou, que foi morrer pelos nossos pecados.  
Jamais a humanidade recebeu tão ilustre morador, o Filho Unigênito do Pai, o Salvador do mundo, o Libertador, o homem pelo qual o profeta Isaias disse que pelas suas pisaduras seríamos sarados, o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo como disse João Batista.
Ele sendo Deus, olhou para a humanidade, e por amor aos homens pecadores, desceu e se fez carne, obedeceu ao Pai e nos resgatou da maldição do pecado e nos reconciliou com o Pai.
Na sua humanidade foi humilhado e rejeitado por muitos, mas foi amado por aqueles que o seguiram, embora os seus seguidores demonstravam muitas vezes que ainda não compreendiam o real motivo da vinda do Filho de Deus, mas creram nas suas palavras, que Ele realmente era o Messias que havia de vir.
Hoje, podemos por causa desse homem perfeito, que é o Deus Onipotente, sentir a paz de Deus em nossos corações, e ter certeza da nossa salvação, pois cremos que somos aceitos pelo Pai, por causa do sacrifício que Ele realizou, um sacrifício perfeito, e agora no nome de Jesus temos ousadia para entrar na presença do Pai, pois sabemos que Ele, Jesus Cristo, está assentado à direita de Deus Pai todo Poderoso, intercedendo por nós.

Fonte :  Bíblia Sagrada
Texto produzido por Edilberto Pereira, Bacharel em Teologia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário